Ouça agora na Rádio

foto-locutor

Buscando...

Buscando...

Locais/Regionais

Compartilhe agora

MP pede que governo do Paraná edite decreto e suspenda atividades não essenciais

Postado em 13/03/2021 por

img-page-categoria

*Fonte imagem : MP pede que governo do Paraná edite decreto e suspenda atividades não essenciais*


Uma ação ajuizada nesta sexta-feira (12) solicita que o governo de Ratinho Junior (PSD) edite novo decreto com as normas restritivas que estavam valendo até a última quarta-feira (10). O pedido é feito pelo MP-PR (Ministério Público do Paraná), por meio das Promotorias de Justiça da área de Proteção à Saúde Pública das quatro macrorregiões do Paraná (Leste, Oeste, Norte e Noroeste), pela Defensoria Pública do Paraná e pela Defensoria Pública da União.Os promotores defendem que o momento atual exige medidas mais rígidas para evitar a propagação da covid-19.Vale lembrar que o governo do Paraná havia decretado lockdown por nove dias no fim de fevereiro e prorrogou as regras por mais dois dias, mas flexibilizou as normas nesta semana. Comércio, shoppings, academias, restaurantes e outros setores puderam retomar as atividades na última quarta-feira (10).

As escolas particulares também puderam retornar as aulas presenciais. O governo do Paraná tinha definido o retorno das atividades de forma presencial na rede pública para a próxima segunda-feira (15), mas anulou a decisão hoje e suspendeu a retomada.Atualmente, a administração estadual mantém duas restrições mais rigorosas:toque de recolher entre 20h e 5h para evitar a circulação de pessoas;proibição na venda e consumo de bebidas alcoólicas neste mesmo período;No entanto, as atividades não essenciais seguem liberadas por Ratinho Junior.

MP ABRE AÇÃO PARA QUE PARANÁ VOLTE A RESTRINGIR ATIVIDADES POR DECRETO

Conforme a ação do MP, o novo decreto do governo deve fixar que as restrições sigam até que haja queda do número de casos de covid-19 e que a taxa de ocupação de UTIs esteja abaixo de 80% em todo o Paraná.O boletim da Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) desta sexta-feira (12) aponta que o Estado acumula 746.594 casos e 13.228 mortes. Apenas hoje foram mais de 5 mil pessoas infectadas que entraram no balanço. Além disso, a taxa de ocupação das UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) está em 96%. O indicador é superior a 90% em três das quatro regiões: leste (97%), oeste (95%), noroeste (89%) e norte (96%). Dos 1.607 leitos de UTI espalhados pelo estado, restam apenas 72 livres.

O processo do Ministério Público ainda aponta que a nova variante do coronavírus, chamada de P1, foi detectada no Paraná. A cepa é de quatro a seis vezes mais transmissível e também é mais agressiva, causando um agravamento mais rápido no estado de saúde dos infectados.Por fim, a ação ainda ressalta que o antigo decreto não teve efeito esperado, o que foi admitido pelo governador Ratinho Junior e pelo secretário de Saúde, Beto Preto.

Paraná Portal via Sudoeste Agora

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários