Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Pela primeira vez em um (01) ano de pandemia, Hospital Dr Julio de São Jorge D’oeste está com superlotação nos leitos destinados a Covid- 19

Pela primeira vez em um (01) ano de pandemia, Hospital Dr Julio de São Jorge D’oeste está com superlotação nos leitos destinados a Covid- 19

Postado em 04/03/2021 por

Compartilhe Agora
Hospital Dr Julio Zavala Barrientos (Foto: Rede Social)

As curvas de infectados e de hospitalizações cresceram muito nos últimos dias em todo o País. Em São Jorge D´Oeste já estão sendo sentidos os efeitos dos números crescentes da pandemia. O Hospital Dr Julio que dispõem de 06 leitos para internação de pacientes com sintomas ou positivos para a COVID- 19 , está em lotação máxima, com 07 pacientes internados em enfermaria e mais duas crianças, conforme informações do Médico Clínico Dr. Jhonatan Lima.

“Nosso município não tem estrutura para atendimento especializado para casos que requerem urgência e os encaminhamentos que antes eram feitos com mais tranquilidade, hoje não estamos conseguindo”, comenta o Dr. Jhonatan Lima em entrevista a Rádio Difusora de São Jorge D´Oeste nesta Quinta- Feira(4). “Ontem mesmo uma paciente que foi encaminhada a Francisco Beltrão com Acidente Vascular Cerebral Isquêmico. Paciente que necessitaria de atenção mais complexa, foi devolvida ao nosso município. Voltou para São Jorge D´Oeste, pois não encontraram leito para ela e estamos atendendo aqui no nosso município”, comenta Dr. Jhonatan Lima.

Nesta manhã de Quinta-Feira(4), uma paciente que foi internada na UTI do Hospital Regional, passou alguns dias, recebeu alta médica, retornou para o município, precisou voltar para o Hospital Dr. Julio, teve o quadro agravado e em situação muito grave nesta manhã aguardava leito para retornar a UTI.

Dr Jhonatan comenta da fase crítica desta doença e pede que as pessoas tenham cuidado. “Eu acredito que as pessoas se acostumaram demais com a doença e não estão seguindo os protocolos que antes seguiam com mais cuidado. As medidas de higiene, usar máscara, lavagem das mãos o álcool gel, distanciamento, não compartilhar chimarrão com os vizinhos ainda precisam ser seguidos. As vacinas não sabemos ao certo, quando vão chegar para todo mundo , então precisamos ter cuidados”, enfatiza.

Nosso sistema de Saúde está em colapso e isso é muito sério. Serão dias muito difíceis, mas as medidas servirão para salvar vidas. Vamos vencer mais esse momento”, afirmou a Prefeita Leila da Rocha.

MEDIDAS MAIS RESTRITIVAS SERÃO TOMADAS

Ontem a Prefeita Leila da Rocha convocou o Comitê de combate a Covid-19 para discutir medidas ainda mais restritivas quanto a circulação de pessoas, onde foram tratados conforme solicitação da Administração Municipal, a movimentação de pessoas em comércios considerados essenciais e aos Lagos do Iguaçu.

Estas restrições serão anunciadas ainda hoje.

AS CRIANÇAS: BEBÊ DE DOIS MESES ENCAMINHADA PARA A UTI NEO NATAL.

“Ontem atendemos duas crianças, elas foram internadas no hospital Dr Julio, com Síndrome Respiratória Aguda Grave e uma destas crianças, um bebê de dois meses, com alta suspeita de infecção de Covid, quadro controlado, e ontem mesmo conseguimos encaminhar para UTI neonatal, por sorte, tendo em vista a superlotação dos hospitais” declarou Dr. Jhonatan.

MOMENTO DE UNIÃO

O profissional de saúde também menciona a necessidade da união de todos, tendo em vista que essa doença é muito séria e não tem cura. “Nosso sistema em colapso e nós estamos atendendo casos mais graves. É um momento que nós como sociedade devemos estar unidos e não brigando. Claro que temos muitas coisas que podem ser discutidas. Mas se não agirmos agora pode ser que algum familiar nosso, algum conhecido, podem passar por estes problemas que muitos já estão passando”, conclui Dr. Jhonatan Lima.

Fonte: Assessoria de Imprensa via Rádio Difusora FM de São Jorge D’oeste

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.