Ouça agora na Rádio

foto-locutor

Buscando...

Buscando...

Locais/Regionais

Compartilhe agora

“Golpe do nudes” esta sendo aplicado nos municípios que abrangem a Comarca de São João

Postado em 09/07/2020 por

img-page-categoria

*Fonte imagem : “Golpe do nudes” esta sendo aplicado nos municípios que abrangem a Comarca de São João*


Imagem Ilustrativa

Um golpe esta se tornando comum na região sudoeste do Paraná. É o chamado “golpe do nudes” aplicado principalmente pela plataforma facebook ou WhatsApp que fez inclusive vítimas nos municípios que compõe a Comarca de São João. O golpe funciona da seguinte forma: um perfil provavelmente falso no facebook utilizando uma foto de uma mulher jovem adiciona a vítima. Em seguida começa a trocar mensagens e pede fotos da vítima nua. Após uma série de fotos, o perfil então se identifica como menor de idade e logo depois se apresenta o que seria o pai da menor onde começa a chantagear a vítima. Segundo o Delegado de Polícia de São João Dr. Leonardo Guimarães este tipo de golpe é comum com homens: “… via facebook os criminosos fazem contato em especial com homens e começam a conversar falando que é uma menina e no decorrer da conversa acontece à troca de Whatsapp e assim mandam umas fotos, fotos fake que pegam da internet e depois falam pra vitima que a menina é menor de idade e então começam a pedir dinheiro. Em primeiro momento eles falam que são da policia civil, mandam também uma fotos da internet com o símbolo da policia civil e então começam a pressionar as pessoas para dar dinheiro, portanto só para passar a informação para a população que isso é golpe de extorsão…” afirmou o delegado.

Também segundo informações do delegado nenhuma das pessoas que foram vitimas e denunciaram o golpe depositaram a quantia exigida pelos criminosos. Segundo investigações vários contatos desta modalidade de crime estão sendo feitos nesta região.

Entenda como funciona o golpe:

1. O perfil de uma mulher jovem (PERFIL FALSO) faz o convite de amizade na rede social Facebook.

2. Após o homem (vítima) aceitar o convite, ambos começam a trocar mensagens privadas.

3. Com o andamento da conversa, que ocorre tanto pelo Messenger como pelo aplicativo WhatsApp, ambos trocam fotografias íntimas, ou seja “os nudes”.

4. Pouco depois das fotografias enviadas, o PERFIL FALSO afirma que trata-se de uma adolescente (na maioria dos casos).

5. Nesse momento, a vítima recebe o contato de outro número, o qual se diz pai da adolescente. Na conversa, o criminoso promete denunciar o homem (vítima) para as autoridades, a não ser que pague pelo silêncio.

6. A partir daí, começa a EXTORSÃO. A vítima que, muitas vezes, teme ser presa ou até mesmo a exposição, acaba fazendo os depósitos das quantias em dinheiro solicitadas.

Como não cair nesse golpe:

• Evite adicionar e conversar com perfis desconhecidos;

• Evite conversar com prefixos telefônicos desconhecidos;

• Não troque fotografias, que possam ter conotação íntima, através do WhatsApp ou Messenger;

• Jamais faça depósitos, transferências ou pagamentos para desconhecidos;

• Se for vítima de algum golpe, procure a polícia e registre ocorrência.

O delegado orienta que usuários de redes sociais, sejam eles de qualquer idade ou gênero, mantenham sua intimidade e não troquem mensagens com conteúdo de nudez com recém-conhecidos para evitar constrangimento e extorsão. A autoridade policial informou que, na maioria desses casos, os criminosos estão na cadeia que utilizam de um celular com acesso a internet e passam boa parte do tempo se dedicando a procurar vítimas nas redes sociais.

Departamento de Jornalismo Rádio Pirâmide FM 99,1

Link da Notícia

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários