Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Preso homem acusado de estuprar a própria filha de 2 anos de idade

Preso homem acusado de estuprar a própria filha de 2 anos de idade

Postado em 23/01/2019 por

Compartilhe Agora
Ilustrativa/Internet

A Polícia Civil em Chopinzinho, com apoio de investigadores da quinta SDP de Pato Branco, prendeu no final da tarde de ontem um homem, de 20 anos de idade, acusado de estuprar uma criança de 2 anos de idade, sua filha.

Segundo apurado até segunda feira 21 de Janeiro, no inicio da manhã, uma criança de dois anos de idade foi transferida de um hospital da cidade de Chopinzinho para outro nosocômio em Pato Branco em grave estado de saúde. Quando atendida pelo copro médio no hospital em Pato Branco, foi notado que a menor tinha sinais de possível abuso sexual.

Noticiado o fato pela Policia Civil, foram encetadas várias diligências visando esclarecer o ocorrido, sendo acionado, inclusive, o médico legista do instituto Médico legal que compareceu ao hospital e examinou a criança.

No decorrer do dia, os investigadores suspeitaram de algumas atitudes dos pais da criança, em especial do genitor, tendo este, depois de questionado, confessado que havia abusado sexualmente da criança em diversas oportunidades.

O suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia, sendo em desfavor dele lavrado o auto de prisão em flagrante delito pelo crime de estupro de vulnerável.

A criança permanece internada no hospital em Pato Branco e o risco de morte é alto.

As investigações continuarão aos próximos dias para aprofundar a questão do abuso e sua relação com o atual estado de saúde da criança. A depender dos laudos médicos, pericias requisitadas e oitivas que ainda serão tomadas, o suspeito poderá responder também por eventual lesão corporal grave ou morte causada à criança.

DEPARTAMENTO DA POLÍCIA CIVIL QUINTA SUBDIVISÃO POLICIAL DE PATO BRANCO DELEGACIA DE CORONEL VIVIDA

Link da Notícia

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.